Regra Três

terça-feira, 21 de dezembro de 2010
"Tantas você fez
Que ela cansou
Porque você, rapaz
Abusou da regra três
Onde menos vale mais

Da primeira vez ela chorou
Mas resolveu ficar
É que os momentos felizes
Tinham deixado raízes no seu penar
Depois perdeu a esperança
Porque o perdão também cansa de perdoar


Tem sempre o dia em que a casa cai
Pois vai curtir seu deserto, vai
Mas deixe a lâmpada acesa
Se algum dia a tristeza quiser entrar
E uma bebida por perto
Porque você pode estar certo que vai chorar"


(Composição: Toquinho e Vinícius de Moraes)

Depois de tanto desatino, choro e mágoa, tenho agora um pouco de paz.
Estou, como no verso cantado por Toquinho, onde "ela chorou, mas resolveu ficar. É que os momentos felizes tinham deixado raízes no seu penar". Porém, ainda há a possibilidade de terminar o refrão... "depois perdeu a esperança, porque o perdão também cansa de perdoar", o que desejo não cantar.

É, os momentos felizes vividos, ainda que distantes, me fizeram ficar e tentar outra vez. Há uma certa "calmaria no ar" e tô me deixando levar por ela...

Que meu Natal e o seu, blogueiro(a) querido(a), seja FELIZ, porquanto hoje, a alegria é a necessidade mais premente do ser humano.

Paz e alegria, sem limites.

Bjo, bjo

1 comentários:

julianagoes Says:
3 de janeiro de 2011 00:04

poxa...
fica bem...
feliz ano novo tb.